29 de mar de 2010

No mundo inteiro se produz roupa blindada, mas a Colômbia resolveu fazer roupa blindada fashion. Ela pesa quatro quilos e não chega a ser desconfortável.

Quando o bicho pega, roupas à prova de balas é que entram na moda.





Foi assim que pensou uma empresa colombiana Miguel Caballero, que resolveu investir neste nicho de mercado. Na listinha de adeptos já estão o presidente colombiano Álvaro Uribe eo ator americano Steven Seagal.
"Primeiro desfile de moda blindada" realizado esse ano no México.
O jovem colombiano Miguel Caballero, é considerado hoje o "Armani da segurança".
E para quem duvida que o modelito pode virar sucesso, o diretor de marketing Javier G. DiCarlo, depois que adianta fazer Aumento em 30% das vendas no ano último, a marca Pretende abrir uma loja na inglesa tradicional, a Harrods.

Lojas de roupas sofisticadas toda ocupam uma avenida Presidente Masaryk, na capital mexicana. Casacos Burberry? Ternos Corneliani? Uma echarpe Gucci? Basta ter pesos suficientes e estão ao seu alcance.
Há Jaquetas de couro à prova de balas, camisetas polo à prova de balas, camisas coloridas à prova de balas e casacos Impermeáveis à prova de balas - além de parkas e até camisas sociais para uso com smokings.
Os tecidos são especiais e os cortes Devem ser preciso e estratégico, para Receber uma blindagem.

Todos os membros da Equipe de Vendas Tiveram ja de trabalhar em Demonstrações de produtos, Envolvem que vestir roupas Cujo preço varia de algumas Centenas de dólares a mil E.U. $ 7, e levar tiros. Assim, eles pueden testemunhar sobre a eficiência do tecido secreto.


"É a mesma sensação de levar um soco", disse um vendedor sobre o tiro no estomago que não recebeu.
"Protege como Armadura. Veste bem como Armani! ". É, é marketing fundamental.

E quem estaria disposto uma desembolsar tanto dinheiro por esses elegantes escudos? Os clientes da loja Incluem os presidentes Hugo Chávez, da Venezuela, e Álvaro Uribe, da Colômbia, para não mencionar membros de famílias reais, astros de cinema e outras pessoas conhecidas.

Há um cirurgião que trabalha até tarde no hospital e se sente vulnerável na caminhada até seu carro, no estacionamento. Agora, o possível assaltante pode disparar contra ele com um revólver calibre .38, uma pistola 9 milímetros ou até uma submetralhadora sem perfurar seu paletó, resistente ao calor e de corte bastante elegante.
 
Outro cliente é um distribuidor de jornais com dezenas de funcionários que apanham jornais com ele de madrugada e os entregam por toda a capital. Ele visitou a loja recentemente em busca de um paletó que Permita que ele continue a trabalhar mesmo que alguém tente diminuir-lo a tiros para escapar com o dinheiro que ele usualmente carrega.
 
"O que Oferecemos é mais uma chance de viver", disse Javier di Carlo, o gerente de marketing da loja, demonstrando a coleção Black, uma empresa da mais fina, em uma sala privada de provas. "Não queremos que as pessoas desafiem os Criminosos um atirar nelas. Ninguém Deveria sentir que se Transformou nenhum Super-Homem. Mas caso o criminoso atire, nossos produtos Oferecem aos nossos clientes a chance de escapar".
Para muita gente, a moda das roupas à prova de balas é o próximo passo lógico.
 
Mas Caballero, que abriu sua loja no México e posteriormente com uma expandiu Filiais na Cidade da Guatemala, Londres e Joanesburgo, rebate falando sobre seu programa de fidelidade. Conhecido como Clube dos Sobreviventes, ele está aberto um qualquer pessoa que tenha tido sua vida salva por um de seus produtos. O quadro de membros, disse o comerciante, em entrevista por telefone, de Bogotá, está em alta.
 
"Para se Proteger das armas que existem no Brasil, como o fuzil AR15", teríamos que vestir o modelo "4"
"Existe blindada roupinha para cachorro mas antes que alguém pergunte, só no site do colombiano".
 
São Paulo - Acreditem se quiser, mas tem uma loja no bairro de Santa Cecília que vende roupa à prova de bala! Além dos já tradicionais coletes para seguranças de madames, famosos e políticos, uma loja bue uma moderna linha de "placas balísticas jovens" para mulheres, executivos, e até crianças.A maioría dos clientes são executivos, juízes, empresários, promotores de Justiça e profissionais liberais como médicos, engenheiros e advogados, que tem medo de sequestros, atentados e assaltos.

Pelas fotos do site, uma jaqueta de couro preta blindada e ultra-feminina é discreta mesmo, tirando um volume pequeno que fica na barriga. Se você é um jovem executivo, também há ternos blindados à disposição! Essas placas um adaptadas diversas peças de roupas ficam até mais 30% do coletes leves que os antigos. Elas são adaptadas em "bolsos" no forro da Zíperes com roupa e São Capazes de segurar balas da pistola Magnum 357.

A empresa é Israelense e atua há três anos em São Paulo

África do Sul -- A abertura de um showroom do estilista colombiano Miguel Caballero, em Johanesburgo, atraiu residentes abastados militares e especialistas.

O empresário sul-africano Ari Ben David, que Pretende No futuro abrir uma loja da grife, disse à BBC que "uma situação de Criminalidade da África do Sul é grave" explica um Existência deste nicho de mercado.

África do Sul é conhecida pelos seus altos Níveis de delinqüência urbana.
Miguel Caballero descrevê em seu website suas Próprias roupas como soluções de moda "e Segurança Pessoal", e afirma que elas pueden Suportar desde tiros de uma pistola 9 milímetros ao disparo de um rifle AK-47.
Os clientes pueden ainda encomendar uma cobertura à prova de facas
Mas A maioria das peças é "muito cara" e está "fora do alcance das pessoas comuns", disse Ben David.

A grife foi fundada em 1992 na capital colombiana, Bogotá, outra metrópole conhecida No início dos anos 1990 pelos altos índices de Criminalidade, sequestros e assassinatos.
O presidente Lula já recebeu uma roupa blindada de presente ", conta Maria Cláudia Lopez, gerente da empresa de blindagem de roupas.

Qualquer pessoa pode comprar roupa blindada, mas para tê-la é preciso Obter um registro da roupa junto à Policia Federal e, isso demora cerca de 4 dias. Mas só será CONCEDIDO caso o interessado não tenha pendências policiais ou criminais.
 
Roupa blindada é para quem precisa e pode pagar. O preço de uma Peça Simples, sob medida, varia entre R e R $ 1,5 mil $ 4 mil.
Mas quando a gente pensa em  custo-benefício, é claro que vale a pena.

Fonte: Fantástico e Portal Terra










Nenhum comentário:

Postar um comentário